Corte Vermelho, 2008

em_cena15

Corte (vermelho) / Cut (red)
2008
Performance
Vinil adesivo vermelho, tesoura, papel pardo, tinta vermelha, bico de pena de bambu, esteira de palha, bacia esmaltada, água / Red vinyl adhesive, scissors, kraft paper, red paint, bamboo feather beak, straw mat, enameled basin, water
60 min
200 cm x 400 cm

Trabalho realizado no espaço de circulação da área comercial no hall do edifício Arcangelo Malleta, Belo Horizonte – M.G.

Corte_geral

 

Corte Vermelho é um experimento inacabado que se faz registrado aqui como um sinal, no percurso da artista. Nesta performance, a artista faz do trabalho do recorte um ritual. O público é convidado a oferecer palavras escritas em vermelho, que são depositadas em uma bacia com água. A artista está enrolada em um rolo de plástico vermelho, que progressivamente se desfaz com o corte das palavras. As palavras recortadas são penduradas em um fio suspenso, de modo a manter sua ilegibilidade e portanto,  seu segredo. A ação acaba quando o rolo no qual a artista está enrolada se desfaz.

Fotografia do vídeo : Bruno vasconcellos e Glaura Cardoso Vale
Montagem do vídeo : Raquel Junqueira e Glaura Cardoso Vale
Still da performance: Pedro Veneroso

Link da performance registrada: https://vimeo.com/99182718